quarta-feira, 15 de junho de 2011

Pop Art no Brasil


Capa de CD

Aderindo apenas à forma e à técnica utilizada na Pop art os artistas brasileiros expressaram a insatisfação com a censura instalada pelo regime militar.
Em comparação à pop art americana, a pop art brasileira era mais precária, mas sem perder a qualidade  artística e conceitual. A pop art americana que influenciaria a criatividade em várias partes do mundo, era feita com técnica e materiais de boa qualidade.
No Brasil, esse movimento se desenvolveu utilizando materiais alternativos e reaproveitados, e foi com a precariedade que a pop art brasileira encantou o público.
Na década de 60, os EUA viviam numa época de pós-guerra enquanto que o Brasil iniciava um período de ditadura. Boa parte do conteúdo impresso nas peças artísticas desse movimento no Brasil,  traziam referência à denúncias de tortura e violência.
A pop art brasileira revelou o seu engajamento contra a ditadura, como uma forma de se opor à repressão. Refletia também sobre o cotidiano e o banal, a nossa pop  art ganhou estilo próprio, nos EUA e Inglaterra, por exemplo, ocorreu uma incorporação de elementos da sociedade de consumo, enquanto que no Brasil, predominou a temática social dos anos 60.
Dentre os principais artistas nesta época estão Wesley Duke Lee, Luiz Paulo Baravelli, Carlos Fajardo, Claudio Tozzi, José Roberto Aguilar e Antonio Henrique Amaral, entre outros.

Um comentário:

  1. Adorei o seu texto sobre pop art! Me ajudou bastante. Continue assim!

    ResponderExcluir